21 dezembro 2020
21 dez 2020

“O imprevisível rosto humano de Deus”


email email whatsapp whatsapp facebook twitter versão para impressão

Acolhendo Maria, o Filho em seu ventre e seu próprio povo, José antecipou o ensinamento que Jesus mais tarde compartilharia com seus discípulos: são verdadeiramente justos aqueles que reconhecem, sem preconceitos e com presteza, o imprevisível rosto humano de Deus, porque “todas as vezes que vocês fizeram isso a um dos menores de meus irmãos, foi a mim que o fizeram” (Mt 25,40). A solução para as incertezas de José não consistiu em  negligenciar alguém. Passou sim, pelo encontro com os outros, com os mais frágeis e, sobretudo, por deixar que os sonhos de Deus recriassem a vida na medida do inesperado possível.

(Da Carta de Natal 2020)

Inscreva-se
na nossa newsletter

SUBSCREVA

Siga-nos
nos nossos canais

 - 

Inscreva-se
na nossa newsletter