24 agosto 2020
24 ago 2020

Novo sacerdote: P. Tiago Júnior Branco

Novo sacerdote: P. Tiago Júnior Branco
No dia 22 de agosto o nosso confrade Tiago Júnior Branco da Província Brasil São Paulo foi ordenado presbítero.
por  Ricardo Valim, scj

email email whatsapp whatsapp facebook twitter versão para impressão

No dia 22 de agosto ocorreu, na cidade de Doutor Camargo, no estado do Paraná, a ordenação sacerdotal de Tiago Júnior Branco, popularmente conhecido como “Camargo”. A paróquia da cidade é dedicada a São Pedro Apóstolo. Sua ornamentação estética chama atenção pelos azulejos, com motivos biográficos petrinos. Neste local, sob o olhar atento e emocionado de cerca de cem pessoas, é que nosso confrade recebeu a ordem do presbiterato.

Estavam presentes, além de amigos e parentes, representantes do clero da Arquidiocese de Maringá, das Províncias dehonianas BSP, BRM, Distrito BSL, Comunidade Bethânia, Maristas e demais religiosos e seminaristas.

A ordenação foi presidida por Dom Murilo S. R. Krüger, scj, e concelebrada por P. Ronilton Souza Araújo, scj, às 19h30.

Em sua homilia, Dom Murilo fez memória do período em que foi Arcebispo de Maringá, e também da atual conjuntura pandêmica em que se encontra o Brasil e o mundo. Ressaltou ainda o fato de que muitas pessoas gostariam de ter participado da celebração, mas que devido às exigências sanitárias locais ficaram impossibilitadas. Todavia, chamou a atenção para o fato de que “nada pode deter o poder da oração”. Dom Murilo dirigiu um pedido ao neossacerdote para que “jamais esqueça as palavras do Bispo no dia de sua ordenação: ‘receba o Evangelho, ponha em prática o que aprendeu’”. Alertou também para o fato de que “permanecer com Jesus é conviver com Ele, estar unido a Ele, escutá-lo, ter o olhar de Jesus para o Pai e para os irmãos. Estar com Jesus é fazer tudo o que Ele fazia, é produzir frutos como Ele fez”. E aconselhou, como bom pastor, a “permanecer com Jesus na oração, na Santa Missa, na espiritualidade Eucarística e na recitação do Rosário”.

Segundo o Bispo, “Jesus não nos chama para o ativismo, mas sim, para estar com Ele”, e concluiu trazendo à memória de todos a frase de nosso Padre fundador: “O Coração de Jesus não sabe o que fazer com nossas obras se não tiver nosso coração” (P. Dehon).

O Superior da Província BSP dirigiu ao agora Padre Tiago Júnior Branco, scj breves e profundas palavras de acolhida, manifestando os sentimentos de alegria e gratidão pela sua ordenação. Segundo P. Ronilton, “a cada celebração de uma ordenação é uma oportunidade de renovar o ministério sacerdotal de cada um”. Aos pais do neo sacerdote disse que “quem ama não perde um filho, mas faz uma oferta de amor e entrega”. O superior da BSP ainda ressaltou que “Tiago tem agora a missão de levar a Palavra de Deus a uma terra tão necessitada, que é Santa Luzia, no Maranhão”. E, por fim, o encorajou a não ter medo na caminhada. Ao término da celebração, P. Tiago fez os devidos agradecimentos de forma espontânea, simples e bem humorada, como é sua característica.

Primeira missa de P. Tiago Branco

A primeira missa de P. Tiago foi celebrada no dia seguinte, às 08h30, no mesmo local. A homilia foi proferida por P. Rafael Vieira, scj, que ressaltou as virtudes de companheirismo, humildade e fé de P. Tiago, ao longo de toda a sua jornada formativa.

P. Tiago permanece com seus pais até o próximo dia 9 de setembro, quando viaja em definitivo para Santa Luzia-MA, para iniciar seus trabalhos como vigário paroquial.

P. Tiago inicia um novo capítulo de sua vida e vocação, sob o instigante lema: “Eis-me aqui para fazer a Tua vontade”.

Que Deus o abençoe em sua jornada!

Inscreva-se
na nossa newsletter

SUBSCREVA

Siga-nos
nos nossos canais

 - 

Inscreva-se
na nossa newsletter