13 abril 2021
13 abr 2021

Rumo à IX Conferência Geral

Falamos com o P. Levi e o P. Stephen, membros do Conselho Geral, que coordernam a preparação da próxima Conferência Geral.

por  Editorial Staff

email email whatsapp whatsapp facebook twitter versão para impressão

Pode apresentar-nos uma perspectiva histórica e a situação actual da Conferência Geral?

Uma das competências que o Diretório Geral SCJ atribui ao Governo Geral é a de organizar uma Conferência Geral pelo menos uma vez durante o seu mandato de seis anos. Depois de ter escutado a discussão e as recomendações do XXIII Capítulo Geral (2015), o Superior Geral e o seu Conselho estabeleceram como objectivo realizar uma Conferência Geral “sobre a misericórdia na doutrina social da Igreja e no Padre Dehon”. Foi constituída uma comissão organizadora para preparar o instrumentum laboris e o programa da Conferência. O tema escolhido foi: “Os Dehonianos Nos Compromissos sociais. Fidelidade ao Evangelho e ao nosso Carisma, através da formação na resposta aos desafios sociais”.

A Conferência estava programada para julho de 2018, nas Filipinas, mas teve que ser adiada porque o nosso Superior Geral, Pe. Heiner Wilmer, foi nomeado bispo. Po isso, foi necessário convocar o Capítulo Geral para eleger o novo Superior Geral e o novo Conselho.

E depois o que é aconteceu?

A recomendação do XXIV Capítulo Geral pedia que se continuasse a organizar a Conferência sobre um tema semelhante. A mensagem final do XXIV Capítulo Geral diz assim:

“Um aspecto que nos carateriza como filhos do Padre Dehon é a dimensão social do nosso carisma. Se, por um lado, registamos por vezes uma preocupante quebra na atenção a este aspecto, reiteramos a importância de investir mais fortemente neste sector. Sem dúvida, deverá ser recuperado o tema proposto para a conferência que estava prevista para Manila, tal como se poderá estudar a hipótese de constituir um Gabinete ou uma Comissão de «Justiça, Paz e Reconciliação». A comunicação das iniciativas das várias Entidades neste âmbito é de grande ajuda para favorecer uma partilha de projectos e de iniciativas sociais”.

O reescalonamento da Conferência Geral foi depois discutido na reunião dos Superiores das Entidades que se realizou em Roma, em novembro de 2019. Os Superiores assumiram o projecto. A Região das Filipinas, com grande generosidade e entusiasmo, dispôs-se a acolher novamente a Conferência que se realizaria entre abril e julho de 2021. Os Superiores apontaram alguns membros para fazerem parte da comissão de preparação, temas a serem abordados e possíveis apresentadores.

A Região das Filipinas encontrou um centro de conferências adequado em Cagayan d’Oro e reservou-o para o mês de julho de 2021. Foi nomeada a Comissão de Preparação que, em março de 2020, reuniu-se em Roma para iniciar a preparação.

Mas em março de 2020 deu-se a primeira vaga de confinamento devido ao Covid!

Exatamente! As anteriores comissões consideraram essencial haver um longo tempo de preparação em conjunto para elaborar o instrumentum laboris, desenvolver o tema e começar a trabalhar o programa e e os respectivos detalhes. Entretanto fecharam-se os transportes aéreos e as fronteiras e não foi possível realizar qualquer viagem.

E desde então o que é que se fez?

Como sabemos, a internet liga-nos ao mundo. Dado que a pandemia tentou paralisar tudo e todos, os recursos cibernéticos deram-nos energia e fizeram-nos continuar a sonhar com a possível realização da Conferência. Criámos uma Comissão com confrades de diferentes áreas da Congregação.

Quem são os membros da Comissão de Preparação da Conferência Geral?

Wahyu Tri Haryadi (INA), Michel Simo Temgo (CMR), John Karl Cabaluna (PHI), Grzegorz Piątek (POL) e João Paulo Tabarelli (PAR).

Que ideias tem esta nova Comissão?

Perceber se o nosso estilo de vida corresponde ao que o Padre Dehon pensou e se entendemos a dimensão social do nosso carisma. Nós levamos por diante diversas e interessantes actividades em muitas obras dispersas pelo mundo. Estamos a fazer tudo isso tendo em vista o nosso carisma? As pessoas com quem trabalhamos conhecem e vivem a dimensão social da nossa espiritualidade?

A Conferência pode indicar-nos uma nova forma de olhar para as nossas obras sociais e unir-nos cada vez mais no espírito do “nós Congregação”.

Qual é o tema da Conferência?

Ainda não estabelecemos a redacção final, mas já discutimos diversas propostas: “Ser dehonianos segundo a herança SCJ”, “O que fazemos e o que somos”, “Projetos sociais SCJ e espiritualidade SCJ”, “Fazer a diferença nas obras sociais na nossa Congregação” e “A identidade social da nossa Congregação”…

Quando e onde (como) se realizará a Conferência Geral?

Neste momento é difícil confirmar onde e como será realizada, devido às contínuas limitações provocadas pela pandemia. Apenas tenhamos uma decisão, comunicaremos a toda a Congregação.

Quais são as expectativas para a Conferência Geral?

Esperamos uma participação intensa e activa dos confrades das diferentes Entidades. Procuramos contribuições de qualidade e com uma atenção específica às acções concretas que possam ser colocadas em prática na vida quotidiana da Congregação.

O que devem fazer os participantes em vista da preparação para a Conferência?

Pedimos que cada confrade reserve algum tempo para ler o instrumentum laboris e que acompanhe com atenção as apresentações sobre algum projecto social da Congregação que iremos desenvolver no nosso website (dehoniani.org). Tudo isto ajudará os confrades a entender cada etapa e a ter uma oportunidade para contribuir com comentários e sugestões.

E quem não estará presente na Conferência, como poderá beneficiar de tudo isso e assim contribuir também para o seu sucesso?

Podem rezar pela Conferência e acompanhar as notícias, as transmissões em directo e outros recursos que serão preparados para manter a Congregação actualizada.

Inscreva-se
na nossa newsletter

SUBSCREVA

Siga-nos
nos nossos canais

 - 

Inscreva-se
na nossa newsletter

Autorizo o uso dos meus dados pessoais