17 agosto 2020
17 ago 2020

Aniversário de presença SCJ na Venezuela

Aniversário de presença SCJ na Venezuela
Em 17 de agosto de 1953, os dehonianos chegaram à Venezuela vindos da Espanha.
Foram anos de trabalho, esforço, dedicação, oração, dedicação e serviço para o Reino.
por  A.E. Villarroel Barreto-R. Aguilar
email email whatsapp whatsapp facebook twitter versão para impressão

Em um dia como hoje, 67 anos atrás, a missão dehoniana começou na Venezuela. Isso mesmo, irmãos, em 17 de agosto de 1953, nós, dehonianos, chegamos a este belo país. Missionários da província espanhola, entre eles o Padre Manuel Mira, se aventuraram na missão em um país desconhecido, mas que os receberam até hoje como seus filhos. Foram anos de trabalho, esforço, dedicação, oração, dedicação e serviço para o Reino. Estas terras e seu povo deram abrigo aos Sacerdotes do Sagrado Coração de Jesus e hoje agradecemos a Deus pelas infinitas bênçãos que Ele nos deu durante todo este tempo. Apenas pedimos a Ele: “O Senhor fará tudo por mim: Senhor, o teu amor é para sempre! Não abandones a obra de tuas mãos!”. (Salmo 137, 8).

O vídeo a seguir é uma iniciativa que reuniu um grupo de leigos e religiosos dehonianos venezuelanos para celebrar este aniversário e continuar a ser comunidade, já que muitos estão fora da Venezuela devido à situação atual do país.

“Um dehoniano é…” é uma expressão de gratidão pela espiritualidade e experiência dehoniana vivida durante muitos anos, é um sinal de gratidão pela formação espiritual e de valores que hoje transcendem as várias vocações para as quais foram chamados.

 

Inscreva-se
na nossa newsletter

SUBSCREVA

Siga-nos
nos nossos canais

 - 

Inscreva-se
na nossa newsletter