23 setembro 2020
23 set 2020

Um Ministério de Serviço

"Não é a experiência de ano pastoral que eu imaginava, mas depois de três meses aqui no Mississippi, eu não a teria de outra forma”. Uma experiência social nos Estados Unidos em tempos de pandemia.

por  Henry Nguyen

email email whatsapp whatsapp facebook twitter versão para impressão

Desde 1942, Sacred Heart Southern Missions (SHSM – Missões do Sul do Sagrado Coração) têm sido um apostolado dos Sacerdotes do Sagrado Coração de Jesus (SCJ) da Província dos Estados Unidos no Mississippi. Eles servem em quatro condados (DeSoto, Marshall, Tate e Tunica) e têm seis escritórios de serviço social para ajudar os necessitados e suas famílias com assistência de emergência (alimentação, vestuário e serviços públicos), desenvolvimento de habilidades, advocacia e outros serviços para as pessoas que vivem na pobreza. Em Hernando (uma cidade do condado de DeSoto), eles trabalham em parceria com uma organização chamada Interfaith Council on Poverty (Interfaith – Conselho Interconfessional para a Pobreza) que dá assistência à região com alimentos e projetos especiais para crianças e idosos.

Os escritórios de serviço social oferecem alimentos para os necessitados e suas famílias, ajudando a complementar a alimentação em suas mesas. Além das despensas de alimentos em nossos escritórios, SHSM têm respondido à necessidade da comunidade com despensas móveis de alimentos por toda a área. Cada uma dessas despensas ajudou centenas de famílias durante este tempo de Covid-19, isolamento e quarentena. Para que isso aconteça bem, SHSM trabalham em estreita colaboração com o Mid-South Food Bank (Banco de Alimentos do Centro-Sul).

Neste verão, SHSM e Interfaith puderam ajudar mais de 200 famílias, com mais de 500 crianças com mochilas e material escolar. Com muita incerteza e ansiedade, eles esperam ajudar as crianças com suprimentos para este novo semestre de aprendizado presencial, híbrido ou on-line. Outros projetos que estão por vir são as Cestas de Ação de Graças e Angel Tree no próximo inverno.

Tanto SHSM quanto Interfaith acreditam oferecer uma mão amiga a essas pessoas e não simplesmente uma esmola.

 Uma Testemunha de Amor

Embora a Assembleia deste ano da Província USA, com o tema “Chamados à Missão: Disponibilidade e Adaptabilidade”, tenha sido cancelada no início do ano, eu acho que pude experimentar este chamado à missão na disponibilidade e na adaptabilidade ao longo do meu ano pastoral. No início deste ano, quando a pandemia estava avançando e as incertezas começaram, tive que buscar alternativas aos meus planos chilenos, ou seja, tive que ser disponível e flexível. Estava programado para eu ir ao Chile para aprender espanhol, viver e trabalhar com meus confrades da Província chilena e servir ao povo do Chile no meu ano pastoral.

O Mississippi me veio à mente quando me lembrei da minha primeira visita em 2016. Acontece que tenho me preparado para este serviço social das SHSM muito antes mesmo de saber o que a missão exigiria. Como ministro de serviço social, eu precisava sair da minha zona de conforto ao me encontrar com os necessitados e suas famílias para, desse modo, avaliar a situação e oferecer a ajuda necessária. Isto também me recordou a minha experiência, no verão passado, como capelão tirocinante no Hospital CHRISTUS Santa Rosa em San Antonio, TX, quando fiz acompanhamento espiritual com os pacientes e suas famílias. Lá eu amadureci o dom da presença e da disponibilidade com cada pessoa que encontrei.

Durante o último ano acadêmico antes da pandemia, trabalhei com uma despensa alimentar e um sopão comunitária em Milwaukee, onde pude acompanhar as pessoas em meio às suas dificuldades. Aprendi a ver as pessoas como quem elas são e como vieram. “Com o Coração Aberto e a Mente Aberta” foi a missão que eu assumi para mim mesmo enquanto levava a espiritualidade dehoniana a todos no meu serviço. Todas as experiências acima ajudaram a formar o ministro que sou hoje.

Recentemente, tive a oportunidade de realizar apresentações on-line sobre o carisma, a história e a espiritualidade SCJ para a equipe SHSM. Há muitas correlações e semelhanças entre os SCJs e as Sacred Heart Southern Missions, o que ajudou o pessoal destas a se unir com a espiritualidade da missão SCJ e a estar disponível para todos aqueles a quem servimos. Assim como P. Leon Dehon (fundador) era sensível à injustiça da pobreza, as SHSM têm como objetivo ajudar os necessitados. Eu recordava ao nosso pessoal que há muitas pessoas lá fora que precisam de nossa ajuda e é exatamente para isso que estamos aqui.

Não é a experiência de ano pastoral que eu imaginava, mas depois de três meses aqui no Mississippi, eu não a teria de outra forma. As conversas que tenho com aqueles que estão lutando são às vezes desafiadoras, pois faço perguntas incômodas para avaliar verdadeiramente sua situação. Acredito no serviço com cuidado e amor, mas também, ao mesmo tempo, ajudá-los verdadeiramente a crescer e chegar a um lugar melhor, fazendo estas perguntas. P. Dehon escreveu em seu diário: “Não gostaria de ver ninguém vir até nós e nos deixar sem ser uma pessoa melhor”, e eu me esforço para fazer exatamente isso em meu ministério.

Mesmo que eu ainda tenha a esperança de ir ao exterior para minha experiência de imersão em espanhol, preciso pensar também na possibilidade de adiar tal experiência. Durante este tempo, mais do que nunca, preciso estar atento aos sinais dos tempos, responder com amor e permanecer atento a tudo o que está ao meu redor.

Inscreva-se
na nossa newsletter

SUBSCREVA

Siga-nos
nos nossos canais

 - 

Inscreva-se
na nossa newsletter