01 November 2020
01 Nov 2020

Br. Manuel Domingos de Castro Vasconcelos

Br. Manuel Domingos de Castro Vasconcelos
* 1929.11.03
† 2020.11.01

email email whatsapp whatsapp facebook twitter Printable version

Brother Manuel Domingos de Castro Vasconcelos was born on November 3, 1929 and was 91 years old. He took his first vows on September 29, 1953.

He was currently living in Funchal (Portugal). He belonged to the Province POR.

Into your hands I commit my very life. (Ps 31:5)


(P. José Agostinho de Figueiredo Sousa, scj, Superior Provincial) Celebramos hoje a Solenidade de Todos os Santos. Ao fim da manhã deste dia em que celebramos a vida para sempre junto de Deus, recebemos a notícia do falecimento do nosso querido Irmão Manuel Domingos de Castro e Vasconcelos, o mais idoso de todos nós. O Irmão Domingos completaria 91 anos no próximo dia 3, terça-feira. Celebrará certamente junto de Deus, na comunhão dos santos.

O Irmão Domingos faleceu na Comunidade do Colégio Missionário, no Funchal, onde viveu estes últimos anos da sua vida. O seu estado de saúde vinha a deteriorar-se nos últimos tempos, também fruto da idade que ia avançando. A sua Comunidade foi incansável na busca de todos os cuidados que proporcionassem ao Irmão Domingos um fim de vida sereno e devidamente acompanhado e foi nesse contexto de comunhão fraterna e de cuidado acompanhamento que o Irmão Domingos regressou à casa do Pai.

No coração de todos nós, familiares, confrades, membros da Família Dehoniana, amigos e benfeitores, e de quantos tiveram o privilégio de conhecer o Irmão Domingos, fica a memória duma vida marcada pela simplicidade e humildade, dom e serviço, dedicação e fidelidade à consagração a Deus e aos irmãos. Que descanse em paz, na eterna comunhão de vida e de amor, junto do Pai da misericórdia.

Dadas as contingências do tempo presente, ainda não foi possível confirmar com as autoridades municipais o horário preciso das celebrações fúnebres. Mas estas irão decorrer na terça-feira, dia 3, precisamente o dia em que o Irmão Domingos celebraria o seu 91º aniversário.

O Irmão Manuel Domingos de Castro e Vasconcelos nasceu a 3 de Novembro de 1929, na Ilha do Porto Santo, Arquipélago da Madeira. Foi baptizado a 14 de Novembro de 1929, na Paróquia Nossa Senhora da Piedade, Porto Santo, e crismado a 18 de Junho de 1950, na Paróquia de Santa Luzia, no Funchal.

Entrou como aspirante a Religioso em 1949 no Colégio Missionário, Funchal, onde permaneceu até 1952. Nesse ano partiu para Itália, tendo sido recebido Postulante a 19 de Março de 1952, em Albissola, e Noviço a 28 de Setembro do mesmo ano, no mesmo lugar. Foi também aí que fez a sua Primeira Profissão religiosa, a 29 de Setembro de 1953, tornando-se no primeiro português a professar na Congregação dos Sacerdotes do Coração de Jesus. Tendo regressado ao Colégio Missionário, Funchal, aí fez a Profissão Perpétua, a 29 de Setembro de 1956.

O Irmão Domingos dedicou toda a vida de Religioso Dehoniano ao serviço de Ecónomo ou de ajudante de Ecónomo nas Comunidades por onde passou: Funchal I – Colégio Missionário, Coimbra – Instituto Missionário, e Porto II – Seminário Missionário Padre Dehon. O facto de ter permanecido por longos períodos nesse serviço, sobretudo nas Comunidades do Colégio Missionário e do Seminário Missionário Padre Dehon, fez com que o Irmão Domingos se tivesse tornado uma referência na vida de todos os que frequentámos os nossos Seminários Menores. Dele guardaremos, para sempre, grata memória de vida dedicada e exemplar.

Que descanse em Paz, que o Coração de Cristo o recompense pelo muito bem que fez e o acolha na sua Misericórdia infinita.

 

Consagração ao Coração de Jesus (Oração que o Irmão Domingos rezava todos os dias)

Sagrado Coração de Jesus,
eu me consagro a Vós.
Entrego-Vos tudo o que sou e tudo o que tenho.
Quero adorar-Vos em todos os Sacrários da terra,
principalmente onde sois mais esquecido ou ofendido!
Agradeço-Vos todas as graças que me tendes concedido
e que nem sempre tenho agradecido!
Peço-Vos humildemente perdão de todos os meus pecados
e do mal que com eles possa ter causado aos meus irmãos!
Imploro a graça da conversão.
Fazei o meu coração semelhante ao Vosso.
Ajudai-me a levar a minha cruz não só sem revoltas,
mas com paciência, amor e alegria.
Entrego-Vos todos os meus problemas, dores,
preocupações, angústias, humilhações e dificuldades…
Confio na Vossa Misericórdia que tudo me ajudará a resolver!
Peço-Vos por todos os que mais sofrem
e por todos aqueles que se recomendam à minha pobre oração;
encerrai-nos a todos no vosso Coração amantíssimo!
Com Maria e por Maria,
quero amar-Vos até morrer
e contemplar-Vos para sempre no Reino da Eterna Glória! Ámen.

Subscribe
to our newsletter

SUBSCRIBE

Follow us
on our official channels

 - 

Subscribe
to our newsletter